academia.png

A tecnologia, o comportamento das pessoas e a comunicação!

Nunca na história da humanidade vimos tantas tecnologias avançando tão rapidamente.

Quem era o Airbnb em 2008? Nessa época, o Uber nem existia! Waze estava surgindo e o Netflix tinha recém começado suas operações em streaming! Há DEZ ANOS! É isso mesmo! Só isso!

E se fossemos players desses segmentos e tivéssemos tentando prever o futuro dos nossos negócios? Como conseguiríamos enxergar essas grandes mudanças? Geralmente, pensamos em ferramentas lineares e tendências do passado para previsões.

Nesses exemplos, estamos falando de empresas que basearam seu modelo de negócio em informação.

Airbnb usou informação dos proprietários de imóveis e os conectou com quem quer frações de imóveis, o Waze utilizou o GPS que está no meu e no seu celular e nos conectou desbancando os gigantes do setor de GPS. O Uber usou a informação de motoristas afim de dar caronas, juntou com a informação de pessoas precisando de caronas e dispostas a pagar por isso. Netflix usa a internet da nossa casa para entregar um filme e consegue distribui-lo simultaneamente pra quantas pessoas quiserem o mesmo título.

O mais legal de tudo isso é ver que não é só pelo emprego da tecnologia que as coisas mudam, é principalmente pela mudança de comportamentos! Me lembro bem de perceber essa mudança com a chegada dos arquivos MP3, isso foi tipo liberar criança numa loja de doces... eu queria baixar e escutar tudo aquilo que não podia comprar nas lojas, pra mim era caro ter todos os CDs que eu queria! Mudei a minha relação com o consumo de música, a tecnologia me proporcionou essa mudança e esse acesso abundante... nunca mais meus hábitos voltaram a ser como eram... agora já estamos na era Spotify que me mostrou que guardar música é muita loucura... ocupar espaço da nuvem ou do meu HD com algo que está disponível o tempo todo? Loucura! Já apaguei minhas intermináveis discografias e tratei de assinar o premium do Spotify para bloquear as propagandas indesejadas...

Aliás, PROPAGANDAS INDESEJADAS! Até isso mudou... podemos bloquear propaganda! Algo que até uns tempos atrás não tínhamos muita alternativa... podemos assinar serviços premium ou podemos pagar por conteúdo exclusivo que não exibe publicidade!

Isso está criando no ser humano novos hábitos de consumo de marcas também, deixou o consumidor mais sensível às interrupções e tem exigido do mercado de publicidade e comunicação uma adaptação na forma de planejar!

E esse desafio de planejar comunicação menos invasiva, mais efetiva e que gere engajamento tem sido minha pauta diária.

Na Gazeta do Povo, junto com um time multidisciplinar pensamos todos os dias em resolver problemas dentro dos negócios de nossos clientes através de plataformas de CONTEÚDO. Digo PLATAFORMA porque tem muita gente que acha que resolver com conteúdo é fazer o famoso INFORME PUBLICITÁRIO! Não, vai bem além e é muito mais profundo... pode ser um projeto de diversos formatos, várias ferramentas e pessoas envolvidas, com diversas camadas e fases e provavelmente será multiplataforma. No clichê do “CÉU É O LIMITE” vamos longe e pensamos em soluções completas!!!

Enfim, estamos olhando para nossos clientes de uma forma diferente de como os víamos há tempos atrás. Até nisso o mercado de comunicação se reinventa nesse momento.

Vamos muito mais além no envolvimento e criamos relações de parceiros com os clientes, mirando o mesmo alvo, isso muda tudo de lugar e desafia o status quo. Arrisco dizer que não somos mais SÓ um veículo! Temos sido acionados para novos cenários que nos desafiam como profissionais, como empresa e nos exige uma capacidade de adaptação muito grande e veloz. Que bom... assim nos mantemos na velocidade das mudanças que o mundo lá fora tem andado... isso é importante e vital. Há urgência em estar vivo!

A mudança está estabelecida, o nosso DNA como profissionais tem que ser inovador e o nosso alvo tem que ser atingir o alvo de nossos parceiros.

Temos que ter a alma de criança para nos permitirmos arriscar e a coerência de adulto para calcular riscos e buscarmos resultados! Dessa forma continuaremos reinventando o setor de comunicação como tem de ser!

Como você vê as mudanças e pra onde vamos caminhar com comunicação e tecnologia?

Seja Elementar

Experiência que transforma.

Entre em contato conosco

contato@consultoriaelementar.com.br

(Whats) 41 99904-7955